Tratamento estético com plasma

O quê? Perguntam vocês. Isso mesmo: tratamento estético com plasma, há também quem lhe chame tratamento com plasma rico em plaquetas. Trata-se de uma procedimento estético super simples e muito pouco invasivo.

A convite da Dr.ª Cristina Santos Silva na Skinlife Beauty Clinic, fui experimentar este procedimento com o objectivo primordial de melhorar a textura da minha pele que ficou permanentemente lesada depois do último episódio de terror de rosácea. Tanto a textura, como a cor e temperatura, nunca mais foram as mesmas desde este último episódio, para grande desespero da minha pessoa. Assim, a Dr.ª Cristina convidou-me a experimentar este procedimento e a ser um caso de estudo que poderá porventura ajudar outras pessoas que sofrem de rosácea. O objectivo desta e qualquer futura sessão é melhorar a textura da pele e melhorar os capilares que estão permanentemente dilatados na região.

Em primeiro lugar, passo a explicar para quem não está recordado: o plasma é a parte líquida do nosso sangue, onde estão várias proteínas e coisas importantes como as plaquetas. As plaquetas têm um papel importante no processo de cicatrização e hemostase. As plaquetas têm também outra característica interessante que consiste na libertação de proteínas e factores de crescimento que promovem, também eles, cicatrização mais rápida.

Assim, o primeiro passo deste procedimento é a colheita de sangue para um tubo com anti-coagulante. Depois, esse sangue é inserido numa centrífuga, ficando as hemáceas (glóbulos vermelhos) e outros componentes do sangue no fundo do tubo e o plasma em ¾ do tubo. A este chama-se um procedimento autólogo, pois é retirado material biológico do próprio sujeito para aplicação nesse mesmo sujeito. A razão pela qual é um procedimento autólogo prende-se com segurança e tolerabilidade, obviamente.

De seguida, a Dr.ª Cristina aplicou o meu plasma numa pequena área do meu rosto, passando em seguida nessa área com uma caneta de mesoterapia, uma caneta com uma série de agulhas que fazem micropunções no rosto de forma rotativa e sempre com a mesma pressão.

O objectivo deste procedimento é então a promoção da produção de factores de crescimento enquanto simultâneamente, a estimulação por parte das agulhas promove a síntese de fibras elásticas da pele por provocar microlesões.

É difícil saber ao certo onde começa o efeito produzido pelo plasma e onde acaba o da mesoterapia neste caso, embora a injecção de plasma rico em plaquetas seja usada com fins terapêuticos na retina, articulações e outros locais do corpo para estimular a cicatrização e recuperação de lesões.

Além de ser um procedimento interessante para quem tem cicatrizes ou marcas no rosto de qualquer doença de pele, excelente para acne, por exemplo, a Drª Cristina tem também tido excelentes resultados em alopécia (calvice) e no envelhecimento cutâneo. Na primeira sessão, o que notei foi a pele muito mais luminosa e homogénea, com redução da vermelhidão e da temperatura da zona do rosto que estava lesada.

Continuarei a reportar resultados e quero deixar o meu agradecimento, desta vez público à Dr.ª Cristina por ser uma pessoa tão profissional, atenta e gentil e me proporcionar esta experiência e resultados incríveis.

4 thoughts on “Tratamento estético com plasma

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s