Das falácias – Os meus ódiozinhos de estimação // The fallacies – My pet peeves

Ahhh ódiozinhos de estimação, quem não tem os seus? A área da cosmética é absolutamente fascinante porque reúne ciência e criatividade de uma forma quase ilimitada e, por isso, dá aso a certos chavões engraçados que são repetidos até à exaustão e, nos quais, a maioria de nós já nem pensamos porque somos bombardeados com eles. Eu tenho uns quantos que me dão urticária.

Ohhh pet peeves, how they fuel out inner hater! Who doesn’t have at least one? The cosmetic industry is a unique one in a way that it puts together scientists and highly creative people. And sometimes, the information just doesn’t go through… And some misunderstandings happen. 
1- “Este produto permite que a pele respire”. Engraçado, todos me permitem isso porque sou um mamífero. Se a Srª é um anfíbio, percebo a sua preocupação (um post inteiro sobre isso);
1- “This product allows skin to breathe”. Do you usually have that problem as a mammal? My lungs work just fine, you should get them checked out, maybe. Perhaps you meant that the skin can transpire, which means the product is non occlusive, but it’s just a guess.
2- “E por ter uma acção concentrada, este produto chega à derme”. Ora não deixe que o Infarmed oiça isso porque senão tem de registar a brincadeira como medicamento e diz que é coisa cara (tipo multipliquem o valor por uns 500, não somar, multiplicar mesmo). Acontece que nada que passe a epiderme é cosmético porque, se passa a epiderme chega à circulação sanguínea e terá efeitos a nível sistémico, o que não é, de todo, a intenção de um cosmético;
2- “And as this is a very concentrated product, it reaches the dermis”. Oh please shush! If the local regulatory authorities hear you, you might just have to register that as a drug, and it doesn’t come cheap. If a product reaches the dermis, it reaches blood flow and it may have a systemic effect. Which we try to avoid at all cost in cosmetics because that is the definition of a drug.
3- “Os nossos produtos, ao contrário da concorrência, não fazem mal à pele”. Se fizessem mal à pele não estariam no mercado, uma vez que o produto tem de ser comprovadamente seguro para ser comercializado, boa? Têm a certeza que é essa a vossa vantagem competitiva?
3- “Unlike our competitor’s, our products are not harmful to the skin”. If they were harmful, they wouldn’t be on the market. A product needs to be safe in order to be sold. Are you sure that’s the angle you want to work?
4- “O produto x cumpre as normas europeias e não é testado em animais”. Uaaaau. Este é dos meus favoritos, este argumento pode aparecer embelezado a vários níveis, mas é sempre magífico. Ora o produto cumpre os requisitos mínimos absolutos para ser vendido ao público na Europa. Uau, inovador e uma vantagem magnífica no mercado. Parabéns, são medíocres.
4- “The product x fulfils the regulatory requirements and wasn’t tested on animals”. Wow. This is one of my favourites. So, you’re basically saying you fulfill the minimum basic requirements. Wooow, awesome, that’s a huge advantage. You’re mediocre. 
5- “Tem usar a linha completa para potenciar o efeito”. Ahahah não. Eu uso o que me apetecer.
5- “You must use the whole line to see results”. Hum, no. I don’t want to.
6- “Feito com extracto precioso (inserir nome de planta exótica)”. Quando, um dia, fizer a minha linha, vou fazer um extracto precioso de chuchu. Porque nada soa melhor.
6- “Made with precious extract of (insert exotic plant name). One day, when I make my own cosmetic line, I’m going to make a precious chayote extract-based product. Because nothing is more exotic than stuff you can also use for soup.
7- “O produto é bom porque é óptimo”. Agora sim, fiquei convencida, arranjem-me 20 que preciso disso na minha vida.
7- “The product is good because it’s awesome”. Now I’m sold, get me 20! I need that in my life!
8- “Estimula a regeneração celular”. Ui, outra. Então porque é que não está a ser aplicado em todas as doenças? E porque é que eu ainda não soube disso e continuo a envelhecer??
8- “Stimulates cell renewal”. Oh boy. So why are we not using it to cure every disease known to mankind? Why do we even AGE anymore??
9- “Hipoalergénico”. Ora aqui está uma palavra que não quer dizer nada. O gamusino da ciência.
9- “Hypoallergenic”. A word that means absolutely nothing.

11 thoughts on “Das falácias – Os meus ódiozinhos de estimação // The fallacies – My pet peeves

  1. Uniquely Filipa diz:

    Concordo com tudo. Mas é claro que cada marca tenta vender o seu peixe. São todas as melhores do mundo claro, todas fazem regeneração celular, estimulam o bem-estar da pele, fazem desaparecer imperfeições, etc. O que seria um mundo em que todas as marcas eram honestas com os seus produtos. “O melhor do mercado” soa muito melhor do que “Este produto é medíocre, com uns ingredientes que nem sabemos se combinados têm algum resultado, mas foi o melhor que se podia arranjar”. O problema é que as pessoas estão pouco informadas e confiam em tudo o que ouvem.

    UniquelyFilipa.blogspot.pt

    Gostar

  2. Anónimo diz:

    Subscrevo tudo o que disseste Mia! E destaco a minha maior preocupação: “não testamos em animais”! Really?! Esta ideia totalmente infundada e perpetuada pelos media de que os animais são vítimas de atrocidades nas mãos dos cientistas deixa-me a puxar cabelos! Podem ter a certeza que alguém anda a lucrar com isso.. Sim porque manter os nossos queridos animais nas condições que eles merecem custa muito dinheiro..! Recusem-se a deixar-se levar por tal argumento!

    Gostar

  3. patuxxa diz:

    True story: ontem à noite estava alegremente a barrar-me com anticelulítico Collistar quando a dada altura pensei “será que a cafeína disto não me entra na corrente sanguínea e me vai deixar acordada?” (aquelas cápsulas têm tanta cafeína que até cheiram a café). Depois lembrei-me deste post, concluí que não e dei uma bofetada mental em mim própria XD

    Gostar

Deixe uma Resposta para Uniquely Filipa Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s