Review – Caudalie Glycolic Peel Mask

A Caudalie relançou as suas máscaras há pouco tempo e, aproveitando o relançamento das que já existiam, juntou mais duas à sua panóplia. Esta Caudalie Glycolic Peel Mask* já existia na linha Vinoperfect (não faço ideia se terá sido reformulada ou não) e o seu target estava mais virado para a despigmentação. Na verdade, como o nome indica, esta é uma máscara de esfoliação cujos agente esfoliante é o ácido glicólico. A Caudalie também ressalva a presença da papaína (enzima presente na papaia que também tem efeito esfoliante) mas, por estar bem depois da fragrância (que no máximos será de 1%), quer dizer que a papaína é bem menos de 1%, por isso não creio que possa realmente ser considerada neste caso. Na verdade, o ácido glicólico chega e é mais que suficiente pois a máscara é excelente. Faz exactamente o que é suposto: esfolia e deixa a pele mais luminosa e bonita. Tem ainda na formulação alguns adjuvantes que ajudam a que a esfoliação não cause irritação.

Utiliza-se durante uns 15 minutos e a seguir remove-se com água morna. Simples e fácil de usar e com excelentes resultados, realmente não poderia pedir melhor. Na maioria das vezes, a seguir a esta máscara completo o tratamento com uma máscara hidratante pois esta não o é (nem é suposto ser) e a máscara hidratante é absorvida mais rapidamente.

Para quem tem pele baça, manchas e imperfeições ou pequenas rídulas (ou pequenas grandes rídulas = rugas), esta máscara precisa de fazer parte da vossa vida!
Water, Glycerin*, Isononyl Isononanoate, Sorbitan Stearate*, Glyceryl Stearate Se*, Glycolic Acid, Cetyl Palmitate*, Cetearyl Alcohol*, Vitis Vinifera (Grape) Seed Oil*, Hydroxyethyl Acrylate/Sodium Acryloyldimethyl Taurate Copolymer, Panthenol, Squalane*, Cetyl Alcohol*, Dimethicone, Sodium Hydroxide, Ci 77891 (Titanium Dioxide), Bisabolol*, Fragrance, Benzyl Alcohol, Polysorbate 60*, Sodium Pca*, Caprylyl Glycol, Arginine, Palmitoyl Grapevine Shoot Extract*, Tocopherol*, Carbomer, Dehydroacetic Acid, Sodium Phytate*, Papain*, Acrylates/C10-30 Alkyl Acrylate Crosspolymer, 1,2-Hexanediol, Algin. *Plant Origin.
Recently Caudalie re-lauched their face masks and, ceasing the opportunity, they added two more to the line. This Caudalie Glycolic Peel Mask* already existed and it was part of the vinoperfect line (I don’t really know if the formula remais the same though…) and its target was towards pigmentation. As the name might suggest, this is a peeling mask with glycolic acid as a peeling agent. Caudalie’s marketing also highlights papain, which is an enzyme from papaya that gently exfoliates. However, I wouldn’t go as far as to mention papain as being “present” because its more like vestigial as it appears after the perfume which normally does not exceed 1%, which means that papain’s concentration is well below 1%. Still, I see no need for papain when you have glycolic acid, as it’s a much more effective exfoliating agent (although papain is more gentle) and the mask itself is amazing. It does exactly what it says on the tube: it exfoliates and leaves your skin dewy and pretty. The formulation also has some added calming agents to reduce irritation.
It is supposed to be used for 15 minutes and after that, washed-off with warm water. Simple and easy to use with excellent results, you can’t ask for better. Whenever I use it, I usually follow it by a moisture mask because this one is not (and it’s not intented to be) and I always notice that the hydrating mask is much more quickly absorbed.
For those of you that have spots, imperfections, dull skin, wrinkles (everyone?) you need this mask in your life.
5/5 – Excellent!


*Produto gentilmente cedido pela marca para review.
*Product gently offered by the brand for review. 

9 thoughts on “Review – Caudalie Glycolic Peel Mask

  1. Anónimo diz:

    Olá Mia, podes usar esta máscara ou ooutras do género esfoliantes na altura da praia e do sol? Por exemplo estou a usar o sleep and peel da filorga. Posso apanhar sol, com protecção 50? Ou na altura de praia deve fazer-se pausa dessas máscaras? Obrigada

    Gostar

  2. Joana diz:

    Eu uso um um exfoliante físico da body shop, para peles mistas, da linha de algas.
    Desde o ano passado que tenho notado que estou cada vez em mais situações a ficar com a pele vermelha (rosácea), por exemplo em centros comerciais, que estão sempre estupidamente quente na altura do inverno.

    Introduções à parte, pelo que tenho vindo a ler, quer aqui, que no The Skin game (os meus favoritos), quem tem rosácea deve manter-se afastada de exfoliantes físicos, bem como de formulações com álcool (uso actualmente o tónico da normaderm, q o contém). Sendo a minha pele mista, com oleosidade sobretudo a nível do nariz e a ocasional borbulha na testa e queixo, e a rosácea, recomendarias substituir o exfoliante físico por esta máscara? E o tónico estava a pensar mudar para Keracnyl da ducray, porque pelo menos não tem álcool. A par disto, talvez complementar com a máscara sensibio da bioderma (ou a hidratante da avéne)

    Fico sempre tão divida na hora de comprar, bem sei que nada como experimentar em nós mesmas, mas dá vontade de comprar todas de uma vez, e só posso uma de cada vez 🙂 Fico dividida também entre as máscaras cleanance da avéne, da keracnyl da ducray e da hyseac da uriage, enfim, é que pela descrição das marcas parece que tudo nos convém 🙂

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s