Resenha – batom YSL Rouge Volupté

Comprei este batom nos míticos saldos da P&C do Verão do ano passado (como diz a querida Maria ahah), por uns simpáticos 12€. Da YSL só tinha um Rouge Pur e ainda não tinha experimentado nenhum dos muito famosos Rouge Volupté.

Este é o número 26 “tender peach” e é um pêssego meio nude. Começo por falar da embalagem. Adoro o facto da cor do batom estar na tira central desta, acho um pormenor magnífico e ajuda imenso a identificar. É uma embalagem luxosa, o batom mais pesado que possuo. Tem um espelho pequeno na tampa que é perfeito para retocar o batom.

Em relação à fórmula em si, é bastante cremosa e “cerosa”, desliza muito bem mas parece que “foge” dos lábios. Nesta cor não há crise absolutamente nenhuma mas não sei se em cores mais escuras será a melhor fórmula de sempre. Não achei que fosse hidratante.

Acumula-se um pouco nas linhas e nota-se em lábios mal tratados porque tem muito pigmento e isso realça sempre as peles soltas.

4/5 estrelas – muito bom!

Provavelmente, se não tivesse conhecido os Rouge Pur primeiro, dava a este 5 estrelas. Esta é uma fórmula mais leve, de acabamento mais brilhante e mais moderna. A outra é mais cremosa, batom clássico que dura imenso. Penso que a maioria das pessoas provavelmente preferirá esta fórmula por ser mais leve e fácil de usar. Mas devo avisar que não “seca”, fica assim como está nos meus lábios aqui ao longo do dia. O tempo de duração dele anda à volta das 3-4 horas, fenomenal para mim, como seria de esperar de um batom desta gama.

Adoro a cor do batom, acho que me fica muito bem e voltaria certamente a comprar, especialmente a este preço. Se quiserem, faço review do Rouge Pur que continua a ser o meu favorito!

6 thoughts on “Resenha – batom YSL Rouge Volupté

  1. Maria diz:

    Querida Sara, acho que n haverá saldos com a qualidade dos da P&C, verão 2011! este ano achei que estava tudo caro e havia menos seleção.

    Concordo contigo! O problema do RV nas cores mais nudes e sóbrias é precisamente serem hiper pigmentados! eu tenho o nº 2 e raramente o uso porque quando o coloco, só um bocadinho, tenho de tirar sempre lol além de que a duração n é o seu forte. No entanto, aquela cor super fierce que comprei este ano – provocative pink – surpreendeu-me muito a nível de duração. como eu já conhecia a fórmula pensava que n ia durar nos lábios e n foi nada disso que aconteceu 🙂

    bjinho*

    Sorteio internacional de um kit super completo de maquilhagem, entre outros miminhos! Participem 🙂

    http://makeupblah.blogspot.com/2012/01/sorteio-internacional-blah-no-facebook.html

    Gostar

  2. m_I_a diz:

    É verdade Maria, deixaram-me as expectativas tão elevadas que agora a desilusão é quase certa! Bom saber que nas cores mais escuras a duração melhora! Francamente não percebo a hype deste batom em concreto, as cores são lindas mas eu acho que há fórmulas por aí que batem esta aos pontos!

    Maggie, prometidíssimo 😉

    Beijinhos!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s